28.02.2022 Conflito Invasão Russa na Ucrânia Força Rússia contra Ucrânia .


28.02.2022 Conflito Invasão Russa na Ucrânia Força Rússia contra Ucrânia .

27.02.2022 Conflito Invasão Russa na Ucrânia Força Rússia contra Ucrânia .

Maior aeronave do mundo, Antonov-225 Mriya, é destruída em ataque russo na Ucrânia


O maior avião de carga do mundo, o Antonov-225 Mriya, de fabricação ucraniana, foi queimado em um ataque russo ao aeroporto Hostomel, perto de Kiev.

Fabricante diz que restauração custaria mais de US$ 3 bilhões e levaria muito tempo.


O maior avião de carga do mundo, o Antonov-225 Mriya, de fabricação ucraniana, foi queimado em um ataque russo ao aeroporto Hostomel, perto de Kiev, disse a fabricante de armas estatal ucraniana Ukroboronprom neste domingo (27).

"Os ocupantes russos destruíram o carro-chefe da aviação ucraniana


o lendário An-225 Mriya. Aconteceu no aeródromo de Antonov em Hostomel, perto de Kiev", disse Ukroboronprom em sua página no Facebook.


Ele disse que a restauração do avião custaria mais de US$ 3 bilhões e levaria muito tempo.


Bilionários russos pedem fim de guerra na Ucrânia


A informação foi confirmada pelo ministro das Relações Exteriores da Ucrânia, Dmytro Kuleba, nas redes sociais. "Esta foi a maior aeronave do mundo, AN-225 'Mriya' ('Dream' em ucraniano). A Rússia pode ter destruído nosso ‘Mriya’. Mas nunca poderão destruir o nosso sonho de um Estado europeu forte, livre e democrático. Vamos prevalecer!"

Estamos enfrentando uma crise da pandemia do Covid-19 com muitas mortes, agora vem esta Guerra com mais mortes, lamentável estes fatos.

Conflito Invasão Russa na Ucrânia 25 de Fevereiro Sexta-feira Força Rússia contra Ucrânia

Conflitos e ataques guerra entre Rússia e Ucrânia

UCRÂNIA DIZ QUE HÁ 57 MORTOS E 169 FERIDOS EM ATAQUES RUSSOS

Tropas de Putin se dirigem à capital Kiev e tomaram a famosa usina de Chernobyl, onde houve desastre nuclear em 1986. Ucranianos se escondem e fogem de bombardeios.



Mapas: Rastreando a Invasão Russa da Ucrânia

Quinta-feira, 24 de fevereiro

Forças ucranianas fazem 'resistência feroz' na zona de Chernobyl, dizem autoridades.

SLOVYANSK, Ucrânia - No primeiro dia da primeira grande guerra terrestre na Europa em décadas, os militares russos mergulharam na Ucrânia por terra, mar e ar, matando dezenas de soldados ucranianos e iniciando uma batalha sinistra na altamente radioativa exclusão de Chernobyl. zona que corria o risco de danificar o reator nuclear envolto em cimento que derreteu em 1986.


O dia começou antes do nascer do sol com o terrível baque de ataques de artilharia em aeroportos e instalações militares em toda a Ucrânia. E ao pôr do sol, forças especiais russas e tropas aerotransportadas avançavam para os arredores da capital, Kiev.


Embora o objetivo final do presidente Vladimir V. Putin da Rússia e seus generais permanecesse incerto, autoridades americanas avaliaram que o jogo final era provavelmente a decapitação do governo da Ucrânia e a substituição de seu presidente, Volodymyr Zelensky, por um regime fantoche controlado pela Rússia.


No início da noite de quinta-feira, Zelensky permanecia no cargo como comandante em chefe, e as forças ucranianas, que autoridades disseram ter derrubado vários jatos russos e um helicóptero, estavam engajadas em batalhas ferozes ao longo de uma ampla linha de frente para manter o controle sobre seu país . .


Foi nos pântanos tóxicos da zona de exclusão de Chernobyl, no norte da Ucrânia, que uma das batalhas mais perigosas estava acontecendo.

“As tropas da Guarda Nacional responsáveis ​​por proteger a unidade de armazenamento de resíduos radioativos perigosos estão resistindo ferozmente”, disse Anton Herashchenko, assessor do ministro do Interior. Se um projétil de artilharia atingir a unidade de armazenamento, disse Herashchenko, “poeira radioativa pode cobrir o território da Ucrânia, Bielorrússia e os países da União Europeia”.


Zelensky disse no Twitter que as forças russas estavam tentando tomar Chernobyl, o local do pior acidente nuclear da história.


O local está agora dentro de uma zona de proteção que cobre cerca de 1.000 milhas quadradas , incluindo parte da rota direta mais curta da Bielorrússia a Kiev. "Esta é uma declaração de guerra contra toda a Europa", disse Zelensky.

RÚSSIA INVADE A UCRÂNIA E LANÇA OFENSIVA MILITAR PELO PAÍS

Há relatos de ataques e explosões em várias cidades, inclusive na capital Kiev. População tenta fugir.

Milhares de pessoas tentam deixar Kiev e provocam congestionamentos

Há filas nos postos de combustíveis e vários deles já não têm mais gasolina. Supermercados também estão lotados.


Engarrafamentos na cidade de Kiev, capital da Ucrânia

Milhares de moradores de Kiev começaram a deixar a capital da Ucrânia nas primeiras horas desta quinta-feira (24), após a Rússia iniciar a invasão a várias partes do país. A cidade começa a viver um caos.


Guerra no Leste Europeu

Ucrânia

x

Prússia Em Guerra

INTERNACIONAL Presidente da Ucrânia diz que ações da Rússia violaram a soberania do país, o presidente ucraniano Volodymyr Zelensky, em pronunciamento

O presidente da Ucrânia, Volodymyr Zelensky, afirmou que o país "não teme nada e a ninguém", em referência às crescentes tensões em sua fronteira e a decisão do chefe russo, Vladimir Putin, de reconhecer as regiões separatistas chamadas de República Popular de Donetsk e de Lugansk, que são favoráveis à Rússia. A atitude de hoje foi chamada por Zelensky de "violação da soberania" ucraniana. A transmissão da mensagem do presidente ocorreu hoje à noite, no horário do Brasil, mas na Ucrânia já passava de 2 horas da manhã

Assim, Zelensky disse que os cidadãos "não têm motivo para não dormir à noite". O presidente ucraniano afirmou que conversou com Joe Biden, à frente dos Estados Unidos; Emmanuel Macron, responsável pelo Estado francês; e Recep Tayyip Erdo?an, presidente da Turquia. Apesar de qualquer ação de Putin, nós mantemos a calma e quero agradecer a todos [...] Não aceitamos as decisões russas de hoje e amanhã, eles permanecem nos nossos territórios. A Ucrânia está há oito anos vivendo nessas condiçõesVolodymyr Zelensky O presidente da Ucrânia reforçou que já pediu com urgência uma reunião com o Conselho de Segurança das Nações Unidas

#jornaltv

#jornaltvbr

#jornaltvbrasil

11 99923-2580

16 99764-2580

web@jornal.tv

newspaper

BRASIL


0 visualização0 comentário